Apresentação



O método de ensino criado por Nadja Gonçalves proporciona uma grande quantidade de ferramentas para aprendermos a língua inglesa de maneira original, dando a instrumentalização necessária não somente para um bom uso do idioma em situações do cotidiano, mas também para dar a preparação adequada para utilizá-lo em concursos de mestrado, doutorado e negociações.

O uso da literatura do mais expressivo escritor irlandês do seu tempo, Oscar Wilde, conhecido por seu estilo apurado e crítico dos preconceitos sociais, proporciona um ambiente atraente e lúdico para o aprendizado.

Ao servir-se desta literatura, o livro funciona como uma lupa, nos permitindo ver o inglês de perto e em seus detalhes, mas também, aprendê-lo de uma maneira global, como um sistema onde todas as suas partes se encaixam revelando em cada momento do livro toda a estrutura da língua inglesa.

Esta é uma das novidades deste método: ele não ensina o inglês por partes – não é assim que aprendemos nossa primeira língua - mas colocando à disposição do interessado, a cada vez, mesmo que através de um simples parágrafo, a totalidade dos recursos expressivos e gramaticais que estruturam a linguagem.

Assim, através do estudo sistemático de cada item gramatical encontrado em cada parte deste livro, associado ao prazer de uma enriquecedora leitura, o leitor adquire motivação e base sólida de conhecimento, usando a língua mãe como instrumento estratégico e facilitador na rapidez do aprendizado do Inglês.

Nesta metodologia, aprende-se o Inglês da mesma forma que aprendemos a nossa própria língua; isto é, mergulhando num ambiente ordenado pelas palavras, neste caso o ambiente propiciado pela literatura, pela reiteração das regras e elementos estruturais, pelo desejo de entender e expressar-se bem, além dos motivos particulares que nos levam a querer aprender uma outra língua.

Neste livro atribui-se uma grande importância à leitura minuciosa dos textos, visando com isto a sua correta compreensão. Evita-se, assim, um entendimento baseado somente no sentido contextual. Isto porque o contexto, como forma de compreensão em uma segunda língua, embora importante, pode ser uma ferramenta de compreensão enganosa, pois, sobretudo no que diz respeito ao uso das preposições e advérbios, quando não os conhecemos suficientemente, certamente nos enganaremos quanto ao sentido preciso de várias frases e expressões.

Vale ainda lembrar o quanto a literatura neste método nos servirá como exemplo pelo bom uso da musicalidade ali presente, para entendermos que, muitas vezes é pelo ritmo ou sonoridade que decidiremos pelo uso de uma ou outra regra ou item gramatical. É o conforto, o soar bem e a beleza que, frequente como na arte, contam para nos sentirmos seguros quando falamos uma língua estrangeira.

Para finalizar, mais algumas palavras sobre como devemos nos servir deste método e sobre a sua estrutura formal.

Quanto à sua estrutura formal, o livro organiza-se por partes, apresentando 15 parágrafos com suas traduções e 3 histórias completas, proporcionando um rico vocabulário e dando grande atenção a todos os itens gramaticais, sendo assim fiel à sua proposta de a cada parte mostrar toda a língua.

É importante enfatizar que este método funciona por repetição e imersão neste universo linguístico/literário que nos é oferecido. Portanto, é a acumulação propiciada pelo uso contínuo e repetido da língua, que dará a consistência e fluidez necessárias a cada um de nós.

Os textos foram escolhidos principalmente pelo vocabulário apresentado. Foram selecionados itens gramaticais de extrema importância para o aprendizado, por serem considerados de difícil entendimento quando não estudados com clareza. Todas as palavras, que não constam no vocabulário selecionado, podem ser facilmente encontradas em dicionários de Inglês/Português.

Cada um deve ainda, para atingir um ótimo aproveitamento, desconstruir cada sentença dos textos, traduzindo os significados de cada palavra em inglês para sua língua mãe e em seguida reconstruí-la em sua própria língua, buscando torná-la o mais confortável possível. Ressalte-se que a tradução se refere ao significado da palavra no texto.

Resumindo:
1) Desconstruir a sentença.
2) Saber o significado de cada item gramatical traduzindo-o para sua própria língua.
3) Reconstruir a sentença na língua materna de forma confortável.


É nosso desejo, que cada leitor encontre, no método de Nadja Gonçalves, uma motivação a mais, para lançar-se em uma nova experiência com a língua inglesa.

Mãos à obra!

-Sérgio Eduardo Cordeiro de Mattos

O livro

  • Inglês autodidata

    Usamos o português como instrumento estratégico e facilitador na rapidez do aprendizado do Inglês

  • Preparação para concursos

    Preparação adequada para graduação, mestrado, doutorado e negociações

  • Básico, Intermediário e Avançado em um só livro

    Colocamos à disposição do estudante a totalidade dos recursos expressivos e gramaticais que estruturam a linguagem

  • Estudo sistemático

    As preposições e advérbios são estudados sistematicamente, promovendo o sentido preciso a frases e expressões


O livro se divide em 02 partes:

Primeira Parte: 15 parágrafos com suas traduções e vocabulário riquíssimo. É fundamental que o estudante que tem larga experiência com a língua inglesa, que acha que entende o que lê e que tem dificuldades em se comunicar, leia com MUITA ATENÇÃO toda a primeira parte do livro, pois tiramos dúvidas importantes, principalmente no que diz respeito às preposições e advérbios.

Segunda Parte: 03 estórias completas com até 264 ítens de vocabulário.

Onde comprar

O livro Inglês para todos à luz de Oscar Wilde 2a edição (com CD)
está disponível nas melhores bancas de Belo Horizonte
e também na livraria Leitura do Pátio Savassi.

Não encontrou? Nos informe usando o formulário abaixo.

Contato

Tem alguma dúvida? Preencha o formulário abaixo e nos envie uma mensagem.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem